quarta-feira, 29 de julho de 2015

O Santo Sudário e os milagres de Lourdes

Santo Sudário de Turim: detalhe do rosto de Nosso Senhor morto.
Santo Sudário de Turim: detalhe do rosto de Nosso Senhor morto.



O crescente ateísmo e imoralidade contra os quais Nossa Senhora veio em Fátima alertar os homens negam que Nosso Senhor Jesus Cristo tivesse existido, como a Igreja Católica sempre nos ensinou.

Também negam que os fatos narrados no Novo Testamento tenham sido, exatamente, como estão narrados no Evangelho.

Por exemplo, muitos sustentam que Cristo foi uma espécie de mito, uma fantasia muito bonita, um caso literariamente elaborado pelas comunidades de base dos primeiros séculos. Segundo esses, não está nada demonstrado.

Ora, meio inesperadamente um fotógrafo tirou uma foto do Santo Sudário de Turim. E no negativo apareceu o rosto de Nosso Senhor Jesus Cristo.

E com uma cara que ninguém tem dúvida nenhuma de que é o Cristo da Igreja, o Cristo do Evangelho, fotografado.

Como é que se pode achar que não existiu?

Tentaram dizer que essa figura foi pintada. E resultou inteiramente impossível! Porque ninguém tem os recursos para fazer uma pintura invisível que não tem tinta, nem corantes.

quinta-feira, 9 de julho de 2015

Lourdes: como saber se uma cura é inexplicável?




Os critérios que orientam o Bureau Médico de Lourdes e o Comitê Internacional refletem em termos especializados os princípios estabelecidos pelo Cardeal Prospero Lambertini — posteriormente eleito Papa Bento XIV — num célebre tratado que regula até hoje os processos de beatificação e canonização:

1. que a doença seja grave, e impossível ou difícil de curar;

2. que a doença não esteja numa fase em que logo começa a declinar;

3. que não tenham sido tomados medicamentos, ou que estes não tenham causado efeito;

quinta-feira, 2 de julho de 2015

Até no cerne do Islã, Nossa Senhora de Lourdes opera maravilhas

Procissão de Nossa Senhora de Lourdes desafiando a ferocidade islâmica




No Paquistão, grande país encravado na Ásia, ergue-se Mariamabad, ou a cidade da Virgem Maria, consagrada a Nossa Senhora de Lourdes.

No mês de setembro é feita a peregrinação mariana nacional.

O Paquistão nasceu da divisão do antigo Império da Índia regido pela Coroa da Inglaterra. Paquistão significa “país dos puros” e foi concebido como um reduto do maometanismo o mais intransigente.

Com freqüência os cristãos são martirizados. Mas seu número está em aumento. Eles já são um milhão e meio.

Nesse pais, Nossa Senhora faz sua obra, enchendo de coragem os católicos que sofrem perseguição e convertendo os ferozes seguidores de Maomé, além de outros pagãos como os hindus e os sikhs.